Crea-BA promove 1º Seminário de Fiscalização em Agronomia dos Creas da região da Matopiba

A região do Matopiba, sigla composta pelas iniciais dos estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia, respectivamente, é destaque nacional e internacional pela sua matriz econômica, o agronegócio. Dessa forma, com o objetivo de buscar, reunir e aprimorar as experiências de fiscalização dos Creas desses estados, será promovido nos dias 16 e 17 de novembro o primeiro Seminário de Fiscalização em Agronomia dos Creas da região do Matopiba.

O evento que será realizado em Barreiras, contará com palestras que serão ministradas por especialistas com conhecimento empírico da região, trazendo como foco principal a fiscalização. Além disso, o seminário ainda irá abordar as semelhanças e diferenças em ações fiscalizadoras, a fim de prognosticar uma sugestão de ação que venha unificar os Conselhos envolvidos.

Segundo o supervisor de fiscalização de Barreiras, Daniel Mota, a agronomia assume um papel de protagonista, transformando o solo árido do cerrado em um importante polo produtivo, atraindo consigo outras áreas da Engenharia para ajudar compor esse desenvolvimento. “O primeiro ponto a se considerar é a troca de experiência, sentir como cada Crea se comporta diante da mesma situação para assim fomentar uma proposta única, padronizada na maneira de fiscalizar esse tipo de empreendimento. O terceiro ponto será propor uma ação conjunta, uma programação que leve em consideração o interesse comum entre os Creas e o calendário agrícola regional”.

Para o presidente do Crea-BA, engenheiro agrimensor Joseval Carqueija, a troca de informações entre os conselhos da região da Matopiba representa um avanço na unificação dos Creas. “Essa integração entre os Creas é muito importante justamente para que possamos traçar uma trajetória juntos além de expor experiências quanto as fiscalizações realizadas. Discutir assuntos que envolvam a agronomia assim como os atores envolvidos no agronegócio torna-se cada vez mais necessário, tendo em vista que isso desenvolve não somente áreas como a engenharia, mas também a economia do país”.

 

Confira a programação:

16/11

8h Inscrições

8h20  Abertura Presidentes dos Creas

9 h Importância socioeconômica e cultural do MATOPIBA  – Paulo Baqueiro

9h30  Parceria Aiba X Crea-BA  – Odacil Ranzi

10 h Coffee Break

10h20 Fiscalização do comércio do agronegócio e afins  – Genildo Ribeiro (Adab)

10h50  Fiscalização em Empreendimento Rural-  Genildo Ribeiro (Adab)

11h20  Estudo de Caso – Daniel Mota – Crea-BA

12 h Almoço

14 h Emissão de Relatórios de Fiscalização – Todos dos Creas

15h Coffee Break

15h20  Apresentação dos Relatórios de Fiscalização do Crea-MA – Wesley Muralha – Crea-MA

16h20  Apresentação do Relatório de Fiscalização Crea-PI – Pedro Vaz- Crea-PI

16h50  Apresentação do Relatório de Fiscalização Crea-TO  – José Luiz – Crea-TO

17h20 Apresentação do Relatório de Fiscalização Crea-BA  – Daniel Mota

18 h Encerramento (1º Dia)

17/11

8 h Mesa Redonda Semelhanças e Diferenças na Fiscalização – Todos os Creas

8h40  Elaboração de proposta única de fiscalização – Todos os Creas

10 h Coffee Break

10h20 às 11h50 – Fiscalização de Agronomia: Normas e Procedimentos – Roger Danilo -Crea-GO

12 h Almoço

14 h Produção de Sementes na Região da Matopiba – Ivanir Maia Aprosem

14h30 Fiscalização CPR X Cartórios – Prof. Jorge Silva  – Ceagro

15 h Coffee Break

15h20 Informes Crea-MA –  Wesley Muralha -Crea-MA

15h50  Informes Crea-PI  – Pedro Vaz – Crea-PI

16h20  Informes Crea-TO –  José Luiz – Crea-TO

16h50  Apresentação da Programação da FT do MATOPIBA/2022 –  Marcos Rogério/ Thanell Ledo

17h20  Mesa Redonda  – Análise da programação 2022  – Todos os Creas

18 h Encerramento Presidentes dos Creas

Equipe de Comunicação do Crea-BA

Alan Nogueira

Similar Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.