Crea-PI apresenta Referencial Estratégico no Plenário do Confea

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Piauí – CREA-PI é considerado referência no Planejamento Estratégico entre os Creas do Brasil. A chefe do Departamento Administrativo Financeiro do Crea-PI, Francisca de Sousa, e o consultor de Gestão Estratégica do Crea-PI, César Oliveira, apresentaram, no 5º Encontro Nacional de Planejamento e Gestão – ENPLAG, na sede do Confea, em Brasília, a aplicação do Referencial Estratégico conforme o Plano Plurianual (PPA).

A chefe do Departamento Administrativo-Financeiro do Crea-PI, Francisca de Sousa, e o consultor de Gestão Estratégica do Crea-PI, César Oliveira. (esq/dir).

“Nós fomos desafiados pelo presidente do Crea-PI, Ulisses Filho, a iniciarmos um Planejamento Estratégico no Conselho Regional. Começamos a compor as peças que seriam trabalhadas na elaboração do nosso planejamento estratégico. Posteriormente, a consultoria do Confea nos estimulou a fazer a aplicação piloto do Referencial Estratégico que será executado em todos os Creas”, disse o consultor de Gestão Estratégica do Crea-PI, César Oliveira. Legislação federal, recomendações de órgãos de controle, análise de cenários, os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU) e as diretrizes da Estratégia Federal de Desenvolvimento foram alguns dos elementos que compuseram a elaboração do Referencial Estratégico.

O Referencial Estratégico funciona como um compêndio para as equipes de planejamento das organizações do Sistema Confea/Crea e Mútua. “Com ele, poderemos entender a amplitude dos desafios vigentes e priorizar nosso papel nessa construção. Nosso trabalho passa a ser melhor direcionado às políticas públicas e ter um significado diferente”, disse Prícila Ferreira, integrante da Gerência de Planejamento e Gestão do Confea.

Prícila Fraga, integrante da Gerência de Planejamento e Gestão do Confea

“Conseguimos adaptar o nosso modelo de estratégia ao Referencial Estratégico do Confea. Alinhamos os objetivos, a estrutura de grupos e subgrupos, apresentados no referencial estratégico, e realizamos a análise de contexto e de ambientes estratégicos com base nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Com isso, geramos todos os nossos objetivos, iniciativas, indicadores e metas. Toda a composição do plano estratégico foi feita no formato do Referencial Estratégico do Confea. Isso demonstra duas coisas: a competência do Crea-PI, em se adaptar e implantar o Referencial Estratégico, feito para todos os Creas do Brasil e, também, somos a prova que o Referencial Estratégico desenvolvido pelo Confea é aplicável. Portanto, ficamos muito felizes pelo resultado, pois o Piauí foi muito discutido e elogiado pelo Confea e os outros Creas nesse ENPLAG”, ressaltou César Oliveira.

Similar Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.